BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Confira imagens do ex-lutador que diz ter matado 24 pessoas em Manaus


Após ser preso por policiais da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Lucas Silva Cohen Xavier, 20, afirmou à polícia ter praticado nos últimos meses, em Manaus, mais de 24 assassinatos. A prisão do suspeito, que de acordo com a Cicom, agia junto com Kennedy Oliveira da Silva, 25, preso no último dia 28, ocorreu na Comunidade Bairro Novo, no Jorge Teixeira, na zona Leste de Manaus. Em poder do homem, os policiais apreenderam cadernetas com o nome de bairros e quantas pessoas foram mortas na localidade.

Conforme a Cicom, os policiais chegaram ao suspeito depois de uma denúncia. As informações indicavam que Lucas era pistoleiro de uma facção criminosa e estava armado na Rua T. Os policiais foram ao local e conseguiram localizar e prender o suspeito. Com ele foi apreendida uma arma caseira com munições.

Após a prisão, de acordo com a Cicom, Lucas afirmou ter tido participação em ao menos 24 mortes praticadas em Manaus nos últimos meses. Com o suspeito, os policiais apreenderam uma caderneta com diversas anotações onde continha o nome de bairros de Manaus e quantas pessoas foram mortas nessas localidades.

A reportagem comparou algumas dos dados da anotações apreendidas com o suspeito junto aos registros do Instituto Médico Legal (IML) e identificou que coincidentemente, parte das informações condizem com as remoções realizadas pelo órgão. Uma delas, por exemplo, foram os dois mortos e um baleado, no dia 3 de setembro, na feira da Panair, no Educandos, na zona Sul de Manaus.

Lucas foi preso e encaminhado para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) para os procedimentos cabíveis.

Ex-lutador

Lucas contou que tinha o sonho de seguir a carreira no esporte, mas a pandemia não permitiu. A mãe conta que o ex-atleta estava morando em São Paulo e treinando para competir nos Estados Unidos. Quando a pandemia começou paralisou os campeonatos e Lucas decidiu voltar para Manaus.

Se envolveu com uma facção criminosa e em pouco tempo se tornou matador profissional e pistoleiro de confiança do grupo.

Fonte: Toda Hora

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus