BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Operação apreende 170 quilos de drogas no interior do Amazonas


Mais de 170 quilos de maconha tipo skunk foram apreendidas nesta sexta-feira(5), durante uma operação integrada de combate ao tráfico de drogas no Amazonas. Os entorpecentes estavam escondidos em um buraco, em uma área de mata no município de Novo Airão (a 115 quilômetros a noroeste de Manaus). As informações são do D24AM.

A ação faz parte da segunda fase da ‘Operação Marina’, desenvolvida pelo Departamento de Narcóticos (Denarc), com apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) e Delegacia de Polícia do Interior (DPI) e já resultou pelo R$ 22 milhões de prejuízos para o crime. “Essa segunda etapa da operação, foi desencadeada ontem, ela transcorreu até a madrugada de hoje e culminou na apreensão de 160 quilos de maconha tipo skunk, nas proximidades do município de Novo Ayrão”,  disse o delegado Antony Rondônia, adjunto do Denarc.

De acordo com o delegado, a polícia chegou a um kitnet no bairro da Redenção onde alguns homens esperavam o pagamento da carga de drogas. Eles já estavam sendo investigados pela polícia após denúncias de tráfico internacional de drogas que através de uma rota no interior do Estado, deslocavam e distribuíam os entorpecentes. Após a identificação de um suspeito, a polícia conseguiu chegar ao outros envolvidos e realizar a apreensão das drogas.

“Nós mantivemos observação e conseguimos em localizar um suspeito no bairro da Redenção, que indicou outros dois participantes deste transporte que vieram em canoas pequenas lá de Santa Isabel e durante a entrevista eles comentaram que haviam deixado parte dessa droga no Tarumã e outra escondida acima de Novo Airão. A logística que eles entregam é sempre a mesma, descendo do Alto Rio Negro em canoas pequenas chamando o mínimo de atenção possível, pernoitando durante o dia e seguindo viagem a noite”, afirmou o delegado.

A droga estava em uma área de mata acondicionada em sacos e dentro de um buraco. “Desde quarta-feira as nossa equipes intensificaram o trabalho na tentativa de localizar uma das pessoas que fez o transporte dessa última droga de Santa Isabel do Rio Negro para a capital e nós tivemos o êxito nessa localização. Os suspeitos confirmaram a localização que nós já havíamos levantado. Ontem, por volta das 16h, as equipes foram até o local de difícil acesso e as 22h30 localizaram 170 quilos de entorpecentes”, disse Tamara Albano, diretora do Denarc.

De acordo com o Denarc, desde o início da ‘Operação Marina’, em junho deste ano, cinco pessoas foram presas, três foram indiciados e dois carros, três lanchas e uma espingarda foram apreendidas, além de R$ 22 milhões de prejuízo para o crime com as apreensões de drogas realizadas.

Fonte: D24am

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.