BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - CARLOS BOLSONARO NÃO VAI GOSTAR -Dessa vez não vai ter fake news, garantem Facebook, Insta e WathsApp



A empresa Meta, composta pelo Facebook, Instagram e WhatsApp, anunciou nesta quinta-feira as ações que estão sendo preparadas para evitar a disseminação de desinformação e disparos em massa em suas plataformas durante o período eleitoral. Entre as medidas, está a implementação de um Centro de Operações para Eleições, onde profissionais de tecnologia no Brasil e no exterior analisarão os conteúdos publicados nas redes com a ajuda de ferramentas de inteligência artificial.

Reunimos especialistas em diversas áreas no Brasil e no exterior para monitorar em tempo real as eleições e conteúdos em nossas plataformas garantindo a remoção rápida de conteúdos nocivos ou que violam as nossas políticas e regras", explicou a gerente de Programas de Resposta Estratégica da Meta América Latina, Debs Delbart. A central de operação, já implementado em 2020, será reforçada em 2022 e vai operar durante os dois turnos do pleito .

A empresa ainda não informou quando ela entra em operação nem a quantidade de colaboradores envolvidos.

2018, o ano da mentira

O termo “fake news” popularizou-se no cenário político brasileiro em 2018, especialmente em razão das eleições presidenciais.

Qualquer um que teve acesso à internet, e principalmente às redes sociais, teve contato pelo menos uma vez com alguma dessas notícias falsas ou discussões sobre o tema.

Derruba ou levanta

É sabido que alguns candidatos, intencionalmente ou não, se beneficiam com a circulação desse tipo de notícia falsa.

Isso porque várias delas têm como objetivo manchar a imagem de políticos, ou em outros casos, exaltar qualidades que eles não possuem.

Elegeu Bolsonaro

De acordo com a  checagem de Aos fatos, Agência Lupa, e Projeto Comprova, Bolsonaro foi significativamente mais beneficiado pelas fake news checadas por essas agências (87,5%) do que Haddad (12,5%).

Trump fez escola

Esse tipo de situação não é exclusividade brasileira.

Num estudo sobre disseminação de fake news nas eleições de 2016 dos Estados Unidos, Allcott e Gentzkow (2017) verificaram que houve muito mais compartilhamentos de fake news favorecendo o Donald Trump do que a candidata Hillary Clinton.

E, de fato, Trump foi vencedor das eleições americanas naquele ano.

Não sai nem a pau

Podem ir tirando o cavalinho da chuva.

A  reforma tributária em tramitação no Senado não passará este ano. Quem afirma é o senador Omar Aziz (PSD-AM). Segundo ele, não há vontade política para aprovação da proposta de emenda à Constituição (PEC) na Câmara.

— Até hoje não conseguiram colocar em votação na CCJ [Comissão de Constituição e Justiça] e é ano eleitoral, que tem ausência de parlamentares – analisa Aziz.

Muito penduricalhos

Aziz observa que, sem acordo, não tem votação para emenda à Constituição.

Para que isso aconteça, precisa de qualificação de quórum.

— É uma matéria com muito penduricalho e que ainda tem a questão da Zona Franca. Tudo remete para as leis complementares –, explicou.

Pecado capital

Deu no portal O Antagonista: Na época em que era o presidente da “Bancada da Bíblia”, o deputado federal Silas Câmara (Republicanos-AM) recebeu R$ 68,7 milhões em emendas secretas.

Deste valor, R$ 44,7 milhões foram destinados para o Ministério da Educação, pasta que foi recentemente alvo de denúncias sobre a atuação de pastores lobistas que controlavam a agenda do então ministro da Educação Milton Ribeiro.

Babita santa

Esses valores contam de uma lista encaminhada pelo gabinete do parlamentar ao Supremo Tribunal Federal, após determinação da ministra Rosa Weber.

Câmara foi presidente da Frente Parlamentar Evangélica entre os anos de 2019 e início de 2022, quando entregou o cargo para o deputado Sóstenes Cavalcante (PL-RJ).

BR-319, Pros & Contras

A BR-319 é um velho sonho da sociedade amazonense. Mas nem tudo é como a gente quer. Cientistas  brasileiros aertam que a pavimentação da rodovia , que liga Porto Velho (RO) a Manaus (AM), pode gerar impacto – incluindo risco de desmatamento –, em mais de 300 mil quilômetros quadrados da Amazônia.

Isso representa uma área maior que todo o estado de São Paulo.

EUA estudam rodovia

A conclusão faz parte de um estudo desenvolvido pelo CPI (Climate Policy Initiative)/PUC-Rio, junto ao projeto Amazônia 2030, uma iniciativa de cientistas brasileiros em busca de planos de desenvolvimento sustentável para a região.

Os resultados do estudo foram apresentados em um evento na Universidade Princeton (EUA) no fim da última semana.

Golpe na Petrobras

Durante declaração do estudo para a privatização da Petrobras, servidores que estão em busca do reajuste salarial provocaram o ministro da Economia, Paulo Guedes, chamando o decreto de "golpe''.

Paulo Guedes

Guedes irritado

Guedes se irritou, rebateu as críticas e, claro, jogou a culpa no governo anterior.

— Eu não quero falar de quem roubou a Petrobras, assaltaram a Petrobras durante anos e foram condenados. Eu quero receber, como um programa de governo que teve 60 milhões de votos, um novo pedido do ministro de Minas e Energia e encaminhar o processo –, afirmou.

Costas largas

O governo Bolsonaro “nunca comete erros” há quatro anos joga a culpa no PT.

É mais fácil do que buscar soluções para os problemas.

Perguntar não ofende

O ministro da  Economia reiterou que irá devolver (Petrobras)  ao povo brasileiro o que é dele.

Agora, como devolver uma coisa ao povo se está indo para as mãos da iniciativa privada?

Green Jazz Festival

A três meses para o Amazonas Green Jazz Festival, o público já pode adquirir os ingressos para acompanhar os mais de 16 shows que acontecerão no Teatro Amazonas, entre os dias 22 e 30 de julho.

Os ingressos estão disponíveis para venda no site www.bilheteriadigital.com ou na bilheteria do espaço cultural, com valores de R$ 30 a R$ 100.

Há 10 anos

Esta é a décima edição do Green Jazz.

O festival tem o apoio da Lei de Incentivo à Cultura, sob coordenação do Governo do Amazonas (Secretaria de Cultura e Economia Criativa).

Ou João ou Simone

Dória ainda acredita na candidatura

Partidos que hoje continuam debatendo a possibilidade de uma candidatura única à Presidência da República, o MDB, o PSDB e o Cidadania autorizaram a realização de uma pesquisa que vai definir o nome do candidato do grupo ao Palácio do Planato.

Um deles dança

A informação foi divulgada pelo PSDB e o levantamento será feito pelo instituto Guimarães Pesquisa e Planejamento.

Os resultados, segundo os tucanos, serão apresentados no dia 18 de maio, data em que as legendas definiram como momento de anunciar a candidatura única.

ÚLTIMA HORA

CRIME DE RACISMO – Bolsonaro diz que negro é pesado em arrobas

Bolsonaro ironiza apoiador negro: "tu pesas mais de 7 artrbas..."

Jair Bolsonaro voltou a utilizar nesta quinta-feira (12) uma expressão racista já usada por ele e disse que negros são pesados em arrobas. Ao conversar com um apoiador negro, no puxadinho, Bolsonaro pergunta quanto ele pesa.

— Conseguiram te levantar, pô? Tu pesa o quê, mais de sete arrobas, não é? –, disse Bolsonaro, arrancando risos da plateia,  durante conversa com apoiadores no Palácio do Alvorada.

O presidente  ri e ironiza o fato de ter sido alvo da Justiça por ter usado a expressão de cunho discriminatório.

— Sabia que já fui processada por isso? Chamei um cara de 8 arrobas –, afirmou.

Antes de assumir a Presidência, Bolsonaro foi denunciado pela Procuradoria e condenado pela Justiça de primeira instância por ter afirmado que visitou uma comunidade quilombola e que "o afrodescendente mais leve lá pesava sete arrobas" e que "nem para procriador ele serve mais". A acusação da PGR foi rejeitada pela Primeira Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) em 2018.

ORGULHO

Só quem já trabalhou na recepção ou como garçom em um restaurante sabe como o atendimento ao cliente pode ser desafiador. Apesar da grande maioria da clientela ser gentil e respeitosa, sempre há um ou outro mau caráter que acha que, só porque está pagando, tem o direito de tratar os funcionários do local como quer. Foi o que aconteceu no Restaurante Cora, em Cardiff, no Reino Unido. A garçonete Lily Griffith foi humilhada por um grupo de homens que começou a se gabar por sua conta ter ficado em £ 1.350 (R$ 8,5 mil), um valor supostamente superior ao salário da funcionária. Para piorar, um deles tocou de forma inapropriada em Lily, sem o seu consentimento. Ao descobrir o que estava acontecendo, o dono do estabelecimento, Lee Skeet (na foto com Lily)  decidiu repassar as 1350 libras para a garçonete, como forma de reparar todo esse transtorno. Além disso, pediu educadamente para que os clientes deixassem o local

VERGONHA

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou na última terça-feira (10) o afastamento e abriu um processo administrativo disciplinar contra a juíza Regiane Tonet dos Santos (foto), após a magistrada fazer publicações com teor político nas redes sociais. O PT recorreu ao Judiciário depois de ser alvo das postagens. Em uma das postagens, a juíza "fez pedido de voto contra o PT", escrevendo "Eles novamente, não...". Também disse que o "STF se acovardou, a justiça sucumbiu", compartilhando uma matéria que chama Cármen Lúcia de "incapaz de dirigir uma reunião de condomínio, gagá e confusa". As informações foram publicadas nesta quinta-feira (12) pelo portal Uol.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.