BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Dito & Feito - Braga Netto terá de dar explicações sobre nota ameaçando Omar Aziz


A Comissão de Fiscalização e Controle da Câmara dos Deputados aprovou requerimento de Elias Vaz (PSB-GO) para que o ministro da Defesa, Walter Braga Netto, explique nota, em tom de ameaça, contra o trabalho realizado pela CPI da Covid no Senado.

Assinada pelo ministro e pelos comandantes do Exército, Marinha e Aeronáutica, a nota afirmou que as Forças Armadas não aceitariam "ataques levianos às instituições que defendem a democracia e a liberdade do povo brasileiro”. O recado das Forças Armadas foi dado após declaração do presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), que disse que há muitos anos “o Brasil não via membros do lado podre das Forças Armadas envolvidos com falcatrua dentro do governo”.

— Não vamos aceitar intimidação ao trabalho parlamentar de fiscalização de agentes públicos. A lei é para todos, doa a quem quer. O papel das Forças Armadas e do Ministério da Defesa não é tentar esconder irregularidades e atacar quem investiga corrupção, mas sim identificar e responsabilizar quem comete crime –, afirmou o deputado Elias Vaz.

Cachimbo da paz

E por falar em Aziz, o presidente da CPI da Covid fumou o cachimbo da paz com o diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, para conter um princípio de crise. Omar foi à sede da PF, em Brasília, nesta quarta-feira (14) quando conversou com o diretor-geral.

— Percebi muito interesse em ajudar a CPI, diferente do que imaginava. Ele disse que quer colaborar–, relatou Aziz.

Muita coincidência

Na terça-feira (13), Omar Aziz criticou a coincidência de investigações, durante a primeira fase do interrogatório da diretora da Precisa Medicamentos, Emanuela Medrades.

Isenção prometida

O senador argumentou que, se a PF toma o depoimento de uma testemunha antes de ela ir à CPI, gera a interpretação de que pode estar sendo investigada. Depois das declarações dos membros da CPI, a PF divulgou nota em para afirmar que conduzirá as investigações de forma isenta.

Pacote de R$ 1 bilhão

O governador Wilson Lima lançou, nesta quinta-feira (15/07), um pacote de novas obras para a capital e interior que vai trazer melhorias nas áreas de infraestrutura, prestação dos serviços de saúde, saneamento, educação e segurança.

123 mil empregos

Os novos investimentos somam recursos na ordem de R$ 1 bilhão, entre 70 obras em licitação e a licitar com projetos em elaboração. Esses novos investimentos devem gerar 123 mil empregos diretos e indiretos.

Wilson anunciou a construção do primeiro hospital veterinário de Manaus

Não vai ter motociata

Para frustração os bolsominions amazônicos, a ‘motociata’ em Manaus (AM), que  ocorreria no próximo fim de semana, foi cancelada  depois da internaçã do presidente Jair Bolsonaro em hospital de São Paulo, para desobstruir o intestino..

A informação do cancelamento foi confirmada pelo Coronel Alfredo Menezes, um dos mais fiéis cães de guarda de Jair,  em vídeo publicado nas redes sociais.

Coronel informa

“Quero informar, oficialmente, a toda população do Estado do Amazonas, que os eventos que o presidente Bolsonaro teria na sua agenda nos dias 16 e 17 de julho em Manaus estão cancelados. Posteriormente nós daremos mais informações e aguardamos agora novas instruções”, informou Menezes.

Ostentação

O senador Marcos Rogério (DEM-RO), da base governista presente na CPI da Covid, apareceu em uma das sessões do Senado com um relógio Rolex Daytona. O “brinquedinho” do senador está , avaliado em R$ 108.685,00. Leandro Demori, jornalista do The Intercept, denunciou o acessório através do Twitter.

Dono de  aeronave

Ao ser eleito senador pelo estado de Roraima em 2018, Marcos declarou R$1.301.704,58 em bens, incluindo um terço de uma aeronave, uma SW4, entre outros.

Andava de Fiat

Em 2008, o senador tinha um FIAT 2001 de R$ 18 mil, além de um imóvel avaliado em R$ 150 mil. Dez anos depois, ele multiplicou o patrimônio declarado em 7,7 vezes.

Quanto ganha

Os senadores brasileiros têm salário de R$ 33.763,00. Para adquirir o Rolex, Rogério teria de ter economizado os vencimentos integralmente por mais de três meses.

Dedo na ferida

Âncora da Band FM, o jornalista Reinaldo Azevedo vê na internação de Jair Bolsonaro, uma tentativa  de transformá-lo em “mártir”  para reverter as últimas pesquisas de opinião pública onde o presidente não anda bem.

Reinaldo Azevedo(no traço de Pataxó) : doença do presidente é um apelo " extrapolítico"

Verdadeiros mártires

Reinaldo alerta que Bolsonaro quer usar a facada que o elegeu em 2018, para reelegê-lo em 2022.

— A exposição grotesca do corpo do presidente prova que essa gente não tem limites. Afirmei aqui e em toda parte que eles tentariam apelar a algum fator extrapolítico para tentar reverter a derrocada. MÁRTIRES SÃO OS 537 MIL MORTOS –, escreveu Azevedo em seu twitter.

Peixes-bois livres

No período de  20 a 23 desse mês, o  Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) vai devolver às águas do rio 13 peixes-bois.

A ação, programada para abril de 2020, só vai ser realizada este mês por conta de fatores como a vazante do rio, o estado de saúde dos animais e a diminuição do número de casos de Covid.

A ação é executada pelo Projeto Mamíferos Aquáticos da Amazônia, que tem o patrocínio da Petrobras e é realizada pela Associação Amigos do Peixe-boi (Ampa).

Ramos para o mundo

O governo britânico, o The Wall Street Journal e a multinacional Shell, entre outras empresas, procuraram o vice-presidente da Câmara, o deputado federal Marcelo Ramos (PL-AM), para saber detalhes acerca do seu PL 528/21, que busca regulamentar o mercado de carbono no Brasil.

A missão diplomática veio a Brasília conhecer os projetos do país para a Conferência do Clima, que acontece em novembro, Glasgow, na Escócia.

Acordo de Paris

Ramos apresentou o projeto na embaixada britânica. O negociador-chefe do Governo do Reino Unido junto à COP26, Archie Young, e o enviado especial daquele país, John Murton, elogiaram o PL.

Segundo eles,  o projeto oferece uma oportunidade de o Brasil cumprir suas metas de redução de desmatamento bem como artigo 6º do Livro de Regras do Acordo de Paris, que regulamenta os mercados de carbono ao redor do mundo.  

O deputado Marcelo Ramos, do Amazonas, atrai a atenção da mídia internacional

Emissão de carbono

Falando em carbono, algumas áreas da Floresta Amazônica já passaram a emitir mais dióxido de carbono do que absorvem. É o que mostra um estudo publicado nesta terça-feira, 13, na revista científica Nature.

A pesquisa é Instituto Nacional de Investigação Espacial (Inpe), órgão do Ministério da Ciência e Tecnologia.

Obra do homem

Fatores como o desmatamento causado pelo homem e os efeitos das mudanças climáticas parecem ter influenciado a capacidade do bioma de atuar como um "filtro" de um dos principais gases responsáveis pelo efeito estufa.

Perda vegetal

Desde 2019, a gestão Jair Bolsonaro tem sido alvo de críticas no Brasil e no exterior diante da explosão de queimadas e do desmatamento na região. Para combater crimes ambientais, o governo tem apostado em operações militares, mas os registros de perda vegetal continuam altos.

ÚLTIMA HORA

Bolsonaro segue internado e sem previsão de alta

A exposição do presidente foi recebida como " exploração política" e recebeu muitas críticas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) evolui de forma satisfatória, mas não tem previsão de alta, segundo boletim médico divulgado nesta quinta-feira (15), por volta das 12h, pelo hospital Vila Nova Star, onde ele está internado em São Paulo. Bolsonaro apresenta uma obstrução no intestino, o que gerou acúmulo de líquido no estômago e dores abdominais. A complicação se soma a outros momentos de internação do presidente após a facada sofrica em 2018.

O boletim afirma que Bolsonaro está "evoluindo de forma satisfatória clínico e laboratorialmente".

O hospital informou ainda que o tratamento permanece o mesmo, ou seja, não há ainda a previsão de uma cirurgia --a ideia é tentar resolver a obstrução com precedimentos menos invasivos.

ORGULHO

O exemplo vem lá dos Estados Unidos e serve como exemplo de generosidade e solidariedade. O mecânico Eliot Middleton aproveita os dias de folga para fazer o que mais gosta e ainda ajudar quem precisa. Ele recupera carros usados e doa. Eliot pega os automóveis usados, geralmente deixados em sucata para desmanche e restaura para doar a famílias carentes da zona rural da Carolina do Sul, nos Estados Unidos. Mais de 30 já foram beneficiadas. E ele faz tudo sozinho. Eliot não cobra nada para as pessoas que receberão o automóvel restaurado. Inclusive, muitas nem sabem que foram escolhidas pelo mecânico.

VERGONHA

Em 2020, 1 mulher foi assassinada a cada 7 horas no Brasil por sua condição de gênero. É isso que aponta o novo levantamento do Anuário Brasileiro de Segurança Pública. No total, foram registrados 1350 casos de feminicídio no país. Mais da metade das vítimas foram mortas em casa. Um aumento de 0,7% se comparado a 2019. A taxa, no entanto, não considera o número de homicídios de mulheres que chegou a 3.913, ou seja, 1 a cada 2 horas. O estado com maior índice é o Mato Grosso com 3,6 mortes a cada 100 mil. Produzido pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), o Anuário se baseia em dados das secretarias de segurança pública estaduais, pelas polícias civis, militares e federal, entre outras fontes oficiais da Segurança Pública.

Mário Adolfo

Mário Adolfo

Jornalista formado pela UA, com mais de 40 anos de experiência. Dois prêmios Esso e criador do personagem Curumim, o Último herói da Amazônia.