Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Ala exclusiva para pacientes indígenas é preparada na Nilton Lins


O governador Wilson Lima esteve no Hospital de Combate à Covid-19 (Nilton Lins), nesta sexta-feira (22/05), para receber novos respiradores enviados pelo Governo Federal, que vão possibilitar a abertura de uma ala exclusiva para pacientes indígenas. O apoio é resultado da articulação com a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), ligada ao Ministério da Saúde, que optou por usar uma estrutura já equipada pelo Governo do Estado para o atendimento aos povos tradicionais em Manaus.

Com a chegada dos respiradores, o Hospital de Combate passa a disponibilizar 33 leitos clínicos e 15 de alta complexidade (10 de UTI e cinco semi-intensivos) para indígenas, aumentando para 143 o número total de leitos oferecidos na unidade.

De acordo com Wilson Lima, técnicos ainda farão a calibragem dos equipamentos para que os leitos possam ser montados e abertos. Na próxima semana, o ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, virá a Manaus para alinhar as estratégias de funcionamento da ala indígena do hospital.

“Nos próximos dias o general Pazuello estará aqui, juntamente com sua equipe, para acertar os detalhes para a inauguração dessa unidade. Nós vamos disponibilizar uma ala para a montagem desses leitos. Começamos a montar agora no fim de semana, nosso pessoal já vai trabalhar aqui na questão da sinalização, da calibração desses respiradores e em outras providências que são necessárias para começar a funcionar”, informou o governador.

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.